Provedora: Segurança Social nega apoios com base em condição que não existe na lei – PÚBLICO

Para atribuir apoio à quebra de actividade, organismo exige condição que não está nas regras. Provedora de Justiça diz que a Segurança Social está a tomar “inusitadas decisões” sem explicar os fundamentos.

A equipa da Provedora de Justiça, Maria Lúcia Amaral, escreveu em Julho ao presidente do Instituto da Segurança Social, Rui Fiolhais, a chamar a atenção para o facto de o organismo estar a indeferir …

Veja este artigo completo em Publico.pt

Últimas notícias:

Lacerda Sales sobre a festa do Avante: “DGS não toma decisões políticas, toma decisões técnicas” – Jornal Económico
Governo do Líbano demite-se em bloco – ZAP – ZAP
EUA: Pompeo manifesta “profunda preocupação” com detenção de empresário Jimmy Lai – SAPO 24
Ana Catharina surpreende Diogo | A Tarde é Sua – TVI
Liga Europa: Bruno Fernandes leva Man Utd às meias-finais após prolongamento – Maisfutebol